Podcast “Memórias de Antropólogo” por João Pina-Cabral

      Comentários fechados em Podcast “Memórias de Antropólogo” por João Pina-Cabral

Memórias de Antropólogo, por João Pina-Cabral (um dos fundadores da APA).

Um podcast onde se contam alguns dos eventos e encontros que, por causarem perplexidade e pedirem uma resposta, acabaram por dar forma à vida de um etnógrafo, desde África a Inglaterra passando pelo Minho, Brasil e sul da China.

Já conta com três episódios:

1. Como a antropologia me descobriu

Tudo começou em 1972 em Joanesburgo, África do Sul. Perante a brutalidade do racismo institucional e com a descoberta inesperada de que, afinal, ser português era mais complicado do que parecia, encontrei na ciência antropológica uma resposta tanto racional como emotiva.

2. Como perder Deus por um baptizado

Aqui se revela um pouco da pre-história do percurso.  Perante a diferença de costumes que caracterizava a sociedade colonial moçambicana, qual seriam os limites da ética? Haverá mesmo um avaliador moral único? Essa era a perplexidade que me roía quando, como jovem, me vi envolvido com as implicações inesperadas de um baptizado.

3. Sem braços na rada de Macau

Aparecem nas águas de Macau os restos de uma mulher, sem cabeça, sem braços, e sem pernas. O velho problema de Macau re-emerge sempre, porque a diferença de valores não se esvaiu: como fazer justiça que faça sentido para quem a recebe? Que é isso de família, então, se os valores divergem?

Todas as segundas feiras sai mais um.

Para descobrir outros podcasts, visite a nossa página com outros recursos AQUI

Imagens relacionadas: