Obra antropológica traduzida | “Acreditar nas feras”, de Nastassja Martin | Ed. Antígona

Acreditar nas Feras, de Nastassja Martin

Numa península siberiana, entre vulcões e glaciares, a antropóloga Nastassja Martin tem dois cadernos de campo: um é branco, diurno, cheio de notas sobre as populações, as línguas, os costumes; mas o livro “Acreditar nas feras” é escrito a partir do diário preto. Esse é noturno, íntimo, angustiado e liminar.

A antropóloga francesa, discípula de Philippe Descola, tem um encontro quase fatal com um urso, naquelas longínquas terras russas, durante o seu trabalho de campo em 2014. O trauma do evento que lhe desfigura a cara, juntamente com as suas experiências nos ásperos hospitais locais, geram esta obra onde a autora nos fala do contacto entre humana e urso, desafiando a separação entre espécies e levando o leitor a refletir sobre o animismo presente nestes encontros e sonhos sobre florestas e animais selvagens.

 

  • TÍTULO ORIGINAL Croire aux fauves
  • TRADUÇÃO Luís Leitão
  • REVISÃO Maria de Fátima Carmo
  • CONCEPÇÃO GRÁFICA Rui Silva
  • ILUSTRAÇÃO DA CAPA Mariana Malhão 
  • 1.ª EDIÇÃO Setembro 2023
  • PÁGINAS 136
  • FORMATO 13,5 x 21 cm
  • ISBN 978‑972‑608‑443-3

 

 

 

Mais informações aqui: https://antigona.pt/products/acreditar-nas-feras

Imagens relacionadas: