Bolsa APA para TRABALHO de CAMPO 2022/2023 (alun@s de Mestrado)

      Comentários fechados em Bolsa APA para TRABALHO de CAMPO 2022/2023 (alun@s de Mestrado)

 

Bolsa de Trabalho de Campo, ano letivo de 2022/23

 

RESULTADOS:

1º lugar – Catarina Isabel Duarte Nunes (bolsa atribuída)

 
com o projeto:
“Entre conservar e regenerar áreas degradadas: um olhar antropológico sobre a associação VERDE”

 

 

 

Ler aqui a Acta Juri BMTC 2022-23

[9 de dezembro de 2022]

 

 

 

Candidatura à Bolsa de Trabalho de Campo | Alun@s de Mestrado | 2022/23

REGULAMENTO  e FORMULÁRIO disponíveis abaixo

Constituição do júri de seleção – Ano letivo 2022/2023

  • Clara Saraiva, presidente (ICS)
  • Ana Machado (Técnica Superior, MNE)
  • Elsa Peralta (CEC/FLUL)

 

BOLSAS PARA TRABALHO DE CAMPO (ALUN@S DE MESTRADO)
Associação Portuguesa de Antropologia (APA)
Ano letivo 2022/2023

REGULAMENTO:

1. Objetivo:
A Associação Portuguesa de Antropologia (APA) concede 1 bolsa pecuniária no montante máximo de 500 euros, com o objetivo de apoiar parte das despesas associadas à pesquisa de terreno e recolha de dados, no âmbito das dissertações de cursos de mestrado em Antropologia.

2. Destinatários:
As/Os destinatárias/os da bolsa são as/os alunas/os inscritas/os na dissertação, ou equivalente, do 2º ano de um curso de mestrado em Antropologia.

3. Periodicidade do concurso:
O concurso tem periodicidade bienal.

4. Duração das bolsas:
As bolsas não têm uma duração definida. No entanto, as despesas cobertas pelo montante da bolsa devem ser executadas até ao final do respetivo ano letivo de atribuição da bolsa.

5. Seguros:
A Associação Portuguesa de Antropologia não se responsabiliza por quaisquer incidentes ou acidentes que tenham lugar durante o trabalho de campo dos candidatos apoiados. A contratação de seguros de viagem, seguros de saúde ou seguros de acidentes pessoais é da inteira responsabilidade das/os candidatas/os.

6. Calendário:
Candidaturas – até 25 de novembro de 2022.
Divulgação dos resultados – até 09 de dezembro de 2022.

7. Requisitos:
São requisitos para apresentar candidatura:
– Ser sócia/o da APA;
– Ter as quotas regularizadas à data da candidatura;
– Estar inscrita/o no 2º ano de um curso de mestrado em Antropologia * ;
– Não ter beneficiado de apoio da APA em nenhum dos concursos anteriores;
– Ter média igual ou superior a 15 valores no 1º ano de mestrado.

8. Documentação necessária:
Formulário de candidatura;
– Carta de motivação;
– CV resumido (máx. 2 páginas);
– Comprovativo de matrícula no 2º ano de mestrado durante o ano da candidatura;
– Projeto de mestrado / descrição sumária do trabalho de campo e objetivos;
– Declaração sob compromisso de honra com data prevista para a conclusão do mestrado;
– Orçamento provisional com as despesas a que a bolsa se destina.

9. Submissão de candidaturas:
Toda a documentação necessária (ponto 8.) deve ser enviada por correio eletrónico para o secretariado da APA através do endereço secretariado.apantropologia@gmail.com com indicação da referência “BMTC_APA2022” no assunto do e-mail.

10. Processo de seleção:
1) Revisão geral das candidaturas recebidas e verificação do cumprimento dos requisitos para admissão a concurso;
2) Avaliação curricular, avaliação do projeto de mestrado e dos objetivos do trabalho de campo, apreciação da carta de motivação;

11. Júri de seleção:
O júri de seleção é nomeado pela APA e será composto por 3 elementos (incluindo o/a Presidente). O/A Presidente será obrigatoriamente um dos membros da direção da APA. A constituição do júri é anunciada com a abertura do concurso.
O júri avaliará:
– O currículo dos candidatos;
– Os projetos de mestrado e os objetivos do trabalho de campo;
– A carta de motivação.

12. Compromissos das/os candidatas/os seleccionadas/os
A dissertação final de Mestrado da/o candidata/o seleccionada/o deverá contemplar no seu
texto referência à bolsa atribuída pela APA. A dissertação final de Mestrado deverá ser
igualmente enviada para a APA em formato digital, após a sua conclusão.

13. Disposições finais:
A apresentação de uma candidatura pressupõe a aceitação integral e sem reservas deste regulamento. Só são consideradas válidas as candidaturas que cumprirem o que está expresso neste regulamento. As decisões do júri de seleção são finais, não havendo lugar a qualquer tipo de recurso. Nenhum elemento do júri pode apresentar-se a concurso, nem nenhum orientando seu. A APA reserva-se o direito de não atribuir as bolsas, se não estiverem reunidas as condições identificadas no regulamento ou se os júris nomeados não reconhecerem qualidade suficiente nos projetos apresentados.

14. Contacto:
Todos os pedidos de informação sobre as bolsas e processo de candidatura devem ser enviados por email para: secretariado.apantropologia@gmail.com

* – apenas para alun@s inscritos em universidades portuguesas

A Direção da APA

11 de novembro de 2022

Imagens relacionadas: